CASTELOEMFOCO

João Henrique desiste de sua pré-candidatura ao governo do Estado

O ex-ministro ouviu do presidente do partido no Estado, o deputado federal, Marcelo Castro, um pedido para que ele não hostilize a campanha eleitoral de Wellington Dias

Por Lucas Pereira
19/03/2018, às 23:03

A cúpula do MDB no Piauí se reuniu na manhã desta segunda-feira (19/03), na sede do partido, localizada na zona Leste de Teresina. A reunião marcou a retirada oficial da pré-candidatura do ex-ministro João Henrique Sousa, ao governo do Estado.

Na ocasião, João Henrique ouviu do presidente do partido no Estado, o deputado federal, Marcelo Castro, um pedido para que ele não hostilize a campanha eleitoral de Wellington Dias (PT).

“Eu não tenho condições de subir no palanque do PT, nós temos uma relação nacional do MDB com o Partido dos Trabalhadores muito distante. Eu não vou participar da campanha e posso garantir que jamais vou hostilizar uma chapa que tenha o nome de um companheiro do meu partido”, disse.

Reunião do MDB

O Presidente Nacional do SESI informou ainda que desiste do pleito para atender um chamamento do Presidente Michel Temer, para coordenar a campanha do candidato do MDB à Presidência da República. O nome ao cargo pode ser o do próprio Temer.

Em entrevista coletiva, Marcelo Castro voltou a defender a vaga de vice de Wellington Dias para o partido. Ele aproveitou ainda para rebater críticas sobre possíveis divergências do MDB com a atual vice-governadora Margarete Coelho (PROGRESSISTAS).

“Não existe qualquer tipo de divergência, a Margarete é um excelente nome para qualquer cargo, o que acontece é que estamos tratando de política e isso se resolve vendo as forças políticas do Estado”, disse.

redes sociais

notícias mais lidas